RCB/TuneIn
Segunda, 17 Jun 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL√ćTICA
JORGE AMARO RESPONDE A DIAS ROCHA
Rádio Cova da Beira
O ex autarca declina a acusa√ß√£o de ter chamado, nas redes sociais, corrupto ao presidente da c√Ęmara de Belmonte ¬ďestas declara√ß√Ķes, proferidas ap√≥s a hora do almo√ßo, v√™m na linha das fortes ofensas pessoais e profissionais que me fez aquando da campanha eleitoral, nada a que eu n√£o esteja habituado. Contudo, pela verticalidade a que estou imbu√≠do em defesa das causas a que me entrego, utilizarei aqui, com todo o respeito, um velho ditado popular, ou seja, as vozes de burro n√£o chegam ao c√©u¬Ē.
Por Paula Brito em 18 de Aug de 2015

Perante a interpretação de Dias Rocha aos comentários sobre a assinatura de protocolo com a universidade suíça, o autarca, só tem uma de duas hipóteses “ou não sabe ler, o que duvido, ou então terá que passar à acção e pedir-me responsabilidades, aguardo serenamente a oportunidade que se propõe dar-me para pedir, aí sim, a sua responsabilidade perante os procedimentos que assinou e lhe configuram a forte possibilidade de ter de justificar outras responsabilidades políticas bem mais graves”.

Jorge Amaro não quis especificar as responsabilidades a que se refere, remetendo para mais tarde o assunto, e aconselha o autarca de Belmonte a preocupar-se com a maioria que lidera “tem primeiro que se preocupar com os seus, a tal maioria de que gosta de falar e que não esteve presente na assinatura dos protocolos. Ao longo do tempo o Dr. António Rocha perdeu capacidades políticas e democráticas o que também não me surpreende, esquece que a minha qualidade de eleitor deste concelho me confere direitos de cidadania e que posso estabelecer comparações entre um passado sólido e um futuro que não se vislumbra”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados