RCB/TuneIn
Sexta, 23 Fev 2018
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
BLOCO OPERATÓRIO EM OBRAS
Rádio Cova da Beira
O Bloco operatório central do Centro Hospitalar da Cova da Beira (CHCB) vai estar encerrado até final do mês de Agosto para a realização de obras de requalificação. A intervenção “de fundo” não vai interromper a realização de cirurgias, mas a actividade do bloco vai diminuir.
Por Paula Brito em 31 de Jul de 2015

As obras incluem a substituição do pavimento e revestimento das paredes das cinco salas que constituem o bloco como explica Carlos Gomes, adjunto da direcção clínica do CHCB para a área da cirurgia “isto está motivado por um problema que nós temos de pavimento das salas que estava a ficar degradado e dificultava o acesso dos doentes, o que está previsto é repavimentar todas as salas e colocar umas protecções nas paredes para evitar que haja acumulação de pó ou de lixos para garantir uma melhor desinfecção e  esterilização do bloco operatório”.

As obras não impedem no entanto a realização de cirurgias programadas, de urgência e de emergência. Para isso foram adaptadas três salas do bloco operatório periférico onde se realiza habitualmente a cirurgia ambulatória “vamos ter uma sala a operar todos os dias cirurgias programadas, a segunda está virada só para as urgências e temos uma terceira para qualquer emergência quando as outras duas estão ocupadas, mantivemos também uma outra sala na urgência pediátrica só para a cirurgia ambulatória porque também é importante, nestas sete semanas, não parar essa actividade”.

Apesar disso a redução de actividade no bloco operatório vai ser drástica “se de quatro salas passamos para uma por dia, estamos a fazer um quarto da actividade cirúrgica, foi solicitado aos funcionários para tentarem fazer as férias nesta altura para depois em Setembro, quando retomarmos a actividade no bloco central recuperarmos o pouco atraso que vamos acumular agora em Agosto”.

Segundo Carlos Gomes tudo está programado para a partir de Setembro ser recuperada a lista de espera com o alargamento do horário de realização de cirurgias e a sua marcação pontual aos fins de semana. O objectivo é chegar ao fim ao ano com uma lista de espera em cirurgia inferior ao ano anterior.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2018 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados