RCB/TuneIn
Sexta, 24 Nov 2017
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
“UM PARAQUEDISTA DE SEGUNDA”
Rádio Cova da Beira
É o título do comunicado do PSD a propósito da lista de deputados do Partido Socialista que foi recebida “com surpresa” pelo PSD a propósito da escolha de Eurico Brilhante “o PS coloca uma pessoa que pouco ou nada conhece o Distrito nas suas listas e logo em segundo lugar.”
Por Paula Brito em 25 de Jul de 2015

Recordando que, no passado o PSD não ficou imune a essa situação e por ela foi julgado, a escolha do PS e as “tricas” associadas à elaboração da lista são reveladoras “da fraqueza e do estado de desorientação desta Federação Distrital que prefere sanear os seus melhores no Distrito por paraquedista de segunda, indicado por Lisboa, já que não convive bem com o confronto democrático interno.”

Desorientação e desautorização são as palavras escolhidas pelo PSD para classificar a situação:

“Desorientação quando a Concelhia da Covilhã vota por unanimidade um militante para o segundo lugar que, depois, é remetido para o quinto lugar pela Presidente da Federação. Por sua vez, o terceiro lugar é ocupado por um militante da Covilhã mas não indicado por esta estrutura, mas a quem se deviam “favores”. E desautorização “quando a Federação Distrital, é obrigada a substituir estes dois militantes por outros dois, após votação da Comissão Nacional. Confuso? Não! Revelador, sem dúvida, das enormes e profundas divergências internas, do estado de desconforto entre os militantes resultante da falta de rumo, ideias e liderança desta Federação.”

Um processo que “prova da sua profunda incoerência e da sua falta de credibilidade, aliás na linha daquilo que se passa com o PS a nível nacional.”

O PSD termina parafraseando o PS de Castelo Branco de outros tempos “Nós não precisamos de ser apresentados. Somos todos daqui!”.

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2017 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados