RCB/TuneIn
Quinta, 22 Out 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
SETE MILHÕES DE EUROS DE ORÇAMENTO
Rádio Cova da Beira
Está aprovada a estratégia de desenvolvimento local para o território estrela sul até 2020. A assembleia geral da Aderes aprovou por unanimidade o documento que vai agora ser submetido à aprovação do órgão nacional de gestão que vai pronunciar-se sobre ele até ao próximo dia 28 de Agosto.
Por Nuno Miguel em 24 de Jul de 2015
A estratégia contempla um volume de investimento que pode chegar aos 5 milhões e 800 mil euros da parte pública, sendo que o presidente da direcção da Aderes refere que foi efectuado um levantamento que aponta para a existência de intenções de investimento na ordem dos 11 milhões “isso resulta de um trabalho que nós fizemos em todo o território e que culminou um processo amplo de discussão junto de todas as entidades; obviamente que o valor dessas intenções de investimento nos deixa muito agradados e oxalá que não haja verbas para apoiar todas as candidaturas porque isso seria um bom sinal uma vez que da quantidade nasce também a qualidade e a diversidade”.
A dinamização das actividades económicas e a melhoria da qualidade de vida dos residentes locais são os dois grandes eixos desta estratégia que, de acordo com José Armando Serra dos Reis, “coincide na perfeição com o plano operacional regional e com a estratégia da comunidade intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela”.
José Armando Serra dos Reis refere que o último quadro comunitário “é o único onde a Aderes não apresenta uma taxa de execução de 100 por cento”. Uma situação que resultou dos atrasos na implementação dos programas devido a uma sobreposição de territórios com a associação “Rude”. No actual quadro a taxa de execução deve rondar os 90 por cento e o presidente da Aderes acredita que os atrasos no arranque do programa não vão voltar a verificar-se “assim o entendo da legislação que já foi aprovada uma vez que durante a fase de submissão das candidaturas que a entidade gestora da parceria pode alterar os territórios; todos nós aprendemos com os erros do passado e no nosso caso vamos candidatar o mesmo território mas não sabemos qual vai ser o caminho que os outros vão seguir”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados