RCB/TuneIn
Sexta, 10 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÔŅĹTICA
ESTA??O COM NOVA CARA
Castelo Branco vai requalificar a zona urban?stica em torno da esta??o ferrovi?ria.Uma obra que est? inclu?da no programa Re:generar e que vai custar ao munic?pio 4 milh?es e 200 mil euros, metade dos quais comparticipados no ?mbito deste programa.
Por César Duarte Ferreira em 09 de Jun de 2009
O conjunto de intervenções a longo prazo, incluídas no projecto Castelo Branco 2020, vão permitir a criação de diversas infra-estruturas na zona envolvente a estação de caminhos de ferro: “integra a criação de novos espaços públicos, como praças e arruamentos, novas acessibilidades pedonais e rodoviárias. A edificação em espaços contíguos de novos equipamentos como, o centro coordenador de transportes e o pavilhão multiusos”, explicou Alfredo Marques da CCDR – Centro.

Também da resposabilidade do município albicastrense , vai ficar o museu do brinquedo, que aproveita as antigas instalações da GNR, para mostrar a colecção que foi oferecida a câmara municipal do Castelo Branco. Segundo, este responsável, “trata-se de uma oportunidade para a área do centro da cidade de caracter lúdico, museológico e cultural”.

Alfredo Marques, destacou ainda o projecto “crescer com arte” da responsabilidade da fundação Manuel Cargaleiro. A ideia passa por cultivar o gosto da arte nas crianças do primeiro ciclo escolar: “visa a formação da criança pela arte e trata-se de captar novos públicos, como as crianças, em idade escolar de primeiro ciclo.”

Ao todo são doze projecetos que vão custar cerca de 12 milhões de euros sendo comparticipados em metade pelo programa Re:Generar – programa de regeneração urbana de Castelo Branco.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados