RCB/TuneIn
Quarta, 26 Jun 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
MÃES E BEBÉS COM APOIO DOMICILIÁRIO
Rádio Cova da Beira
Enfermeiros especialistas em Obstetrícia iniciaram visitas domiciliárias a recém-nascidos que nasceram na maternidade do Centro Hospitalar Cova da Beira (CHCB) e às respectivas mães para garantir a continuidade dos cuidados no primeiro mês de vida e reduzir a procura do serviço de urgência naquele período.
Por Paulo Pinheiro em 23 de Feb de 2015

Em funcionamento desde 20 de Janeiro, o projeto designado «ContactoB» realizou 53 visitas domiciliárias.

 

«Para nós, a visita domiciliária ao recém-nascido reveste-se de extrema importância, pois através desta prática asseguramos a continuidade de cuidados e fornecemos aos pais todo o apoio que necessitam», considera Rosa Moreira enfermeira- chefe do Serviço de Obstetrícia do Hospital Pêro da Covilhã. «A procura de cuidados nos serviços de urgência pediátrica e obstétrica nos primeiros 30 dias após o parto e o apoio à família justificam a criação deste serviço», acrescentou.

Os dados recolhidos em 2013 revelaram que a procura do serviço de urgência ficou a dever-se, sobretudo, a alterações cutâneas, bolsar, cólicas e respiração, no caso dos bebés. As mães procuraram o serviço devido a queixas relacionadas com os mamilos e com a revisão puerperal. Ambos os casos geraram um total de 235 episódios de urgência que, na sua maioria, «podem ser prevenidos ou resolvidos com cuidados no domicílio», sublinhou Rosa Moreira.

O «ContactoB» é um projeto centrado no aconselhamento, apoio, ensino dirigido, e na prestação de cuidados de saúde por enfermeiros especialistas que visitam as famílias duas vezes por semana. Da equipa fazem parte os enfermeiros Paulo Tourais, António Salvado, Bruno Fernandes e Sandra Vicente.

O CHCB já prestava serviços domiciliários em Medicina I/Pneumologia, Medicina II, Imunohemeoterapia, Ortopedia, Psiquiatria, Paliativos (Fundão) e Cirurgia,

A administração do CHCB prevê que em 2015 sejam realizados 12 mil serviços domiciliários nas várias especialidades, o dobro em relação ao ano passado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FONTE: CHCB 

 

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados