RCB/TuneIn
Quinta, 17 Out 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
“COMIGO A CULPA NÃO VAI MORRER SOLTEIRA”
Rádio Cova da Beira
As palavras são de Vítor Pereira que anunciou, esta manhã, na reunião pública do executivo que em breve será entregue um dossier no Ministério Público para averiguação de alegadas “ilegalidades” cometidas pelo anterior executivo na área do urbanismo.
Por Paula Brito em 17 de Oct de 2014

“Os nossos advogados estão a preparar um dossier no sentido de participar ao Ministério Público situações consideradas ilegais que foram detectadas e portanto, a breve trecho vamos ter notícias a esse propósito, e depois dessas outras haverá, porque infelizmente situações graves aconteceram, situações graves foram detectadas, e eu, até porque sou jurista, conhecendo-as tenho obrigação de participar a quem de direito, neste caso ao Ministério Público”.

Vítor Pereira diz que as alegadas ilegalidades nada têm a ver com a auditoria realizada às contas do município. No final, questionado pela comunicação social sobre o assunto, o autarca adiantou que se trata de uma questão relacionada com o urbanismo “existem indícios de irregularidades num caso concreto de urbanismo, que já veio a público nos jornais, nomeadamente no jornal “O Público”, e portanto, tendo tido conhecimento dessa situação dei instruções aos advogados da câmara que estão a analisar a questão e brevemente irão entregar aquém de direito o relatório para ser apreciado, pode o Ministério Público entender que não há responsabilidade de ninguém, mas não podia deixar de o fazer”.

Vítor Pereira diz que em breve o documento vai chegar ao Ministério Público e que há outras alegadas ilegalidades cometidas pelo anterior executivo que estão a ser analisadas.  


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados