RCB/TuneIn
Sábado, 14 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
TEIXOSENSE: VALOR DAS QUOTAS FOI RETIDO
Rádio Cova da Beira
A assembleia geral do grupo desportivo Teixosense aprovou uma proposta da direcção no sentido de assegurar que o antigo cobrador da colectividade vai assegurar o pagamento duma verba mensal de 200 euros até liquidar o valor de 17 mil que alegadamente reteve em sua posse ao longo dos últimos três anos.
Por Nuno Miguel em 31 de Jul de 2014

Na última reunião magna a direcção liderada por Paulo Serra explicou que o montante das quotas cobrado não era entregue na íntegra ao clube e a situação foi detectada no último apuramento de contas antes do final do mandato. O líder directivo admite que esta situação vem trazer ainda mais dificuldades ao Teixosense “naturalmente que esta situação não é boa para nós, mas não importa estar aqui agora a culpar ninguém; o que importa é encontrar soluções e é nesse sentido que vamos continuar a trabalhar enquanto a actual direcção se mantiver em funções”.

Paulo Serra acrescenta que o recurso à via judicial só será desencadeado caso o acordo estabelecido com o antigo cobrador não seja cumprido “isso ficou bem claro numa reunião que todos os órgãos sociais tiveram com a pessoa; vamos dar-lhe mais uma oportunidade no sentido de regularizar a situação sendo que, se não o fizer, o clube pode seguir outros caminhos”.

Nesta assembleia geral voltou a não ser apresentada nenhuma lista, pelos que os actuais órgãos sociais vão manter-se em funções por mais 30 dias. De qualquer forma Paulo Serra garante que não vai recandidatar-se a um novo mandato “essa decisão já estava tomada; a direcção decidiu aceder ficar durante mais um mês em funções para ainda poder resolver algumas situações mas a partir dai tem de aparecer outras pessoas capazes de levar o clube para a frente”.

Já no que respeita à próxima época desportiva, o ainda líder directivo sublinha que a aposta deve passar pela manutenção de uma equipa ao nível dos escalões de formação. Quanto ao futebol sénior, a equipa não deve inscrever-se no próximo campeonato da associação de futebol de Castelo Branco “ a minha ideia passa por ai uma vez que o clube precisa de se reorganizar mas acredito que há condições pelo menos para inscrever uma equipa ao nível dos escalões de formação”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados