RCB/TuneIn
Sábado, 22 Fev 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
OS BILHETES SÃO VÁLIDOS
Rádio Cova da Beira
A assembleia da união de freguesias do Teixoso e Sarzedo aprovou por unanimidade uma proposta do executivo da junta no sentido de assegurar a entrada na piscina na vila a cidadãos que adquiriram bilhetes de ingresso ainda no ano passado.
Por Nuno Miguel em 30 de Jul de 2014

Em Setembro de 2013 o anterior executivo da junta de freguesia do Teixoso vendeu ingressos no valor de 400 euros e comunicou às populações que os mesmos seriam válidos para este ano. Uma situação que, afirma José Valério, não foi comunicada ao actual executivo pelo que houve a necessidade de conferir todos os documentos “eu não fui informado dessa situação pelo anterior executivo e fiquei preocupado uma vez que o valor ronda os 440 euros; por isso houve necessidade de conferir tudo e só agora estamos em condições de garantir que esses bilhetes são válidos e podem ser utilizados”.

O presidente da união de freguesias de Teixoso e Sarzedo acrescenta que este não é o único problema relacionado com a piscina. A estrutura continua a ter uma fuga de água que ainda não foi identificada e a situação está a aumentar os custos de consumo de água. José Valério refere que já foram tomadas algumas medidas para minimizar a situação, mas o problema de fundo continua por resolver “deve haver uma fuga na piscina que ainda não se conseguiu descobrir e eu já falei com a câmara no sentido de se resolver isso; neste momento os custos já diminuíram um pouco uma vez que já está a ser direccionada água de um poço que a junta de freguesia fez, mas é óbvio que isso não chega e temos que encontrar uma solução definitiva”.

Nesta reunião a assembleia de freguesia aprovou por maioria a primeira alteração ao orçamento deste ano. José Valério sublinha que desde o inicio deste ano "a junta de freguesia recebeu menos 74 mil euros do que no ano passado mas também gastámos menos 59 mil; temos tomado medidas de gestão para manter a qualidade dos nosso serviços e vamos continuar a mostrar às pessoas de que é possível gerir uma junta com pouco dinheiro e fazer obra”.

Nesta reunião foi ainda aprovada, por unanimidade, uma proposta de cedência de terrenos aos Estrelas da Atalaia. De acordo com o presidente da união de freguesias “estava tudo pronto, quando eu era presidente do clube há mais de dez anos, para se avançar com a legalização mas a direcção que veio a seguir não deu andamento ao processo; vamos agora retomar isso uma vez que o clube é o único que está activo nas nossas anexas e esse contrato de cedência vai contemplar o direito de reversão dos terrenos e das infraestruturas nele construídas caso o clube venha a ser extinto”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados