RCB/TuneIn
Domingo, 12 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
ENCONTROS DA REGIÃO COM O GOVERNO
Rádio Cova da Beira
O secretário de estado do desenvolvimento regional garante que o próximo quadro comunitário de apoio vai ter concursos específicos para os territórios de baixa densidade. Manuel Castro Almeida foi o primeiro convidado dum ciclo de conferências que a comissão política distrital do PSD está a promover sob o mote “encontros da região com o governo”.
Por Nuno Miguel em 25 de Jul de 2014

O governante sublinha que o novo quadro vai ter como grande ambição o reforço da competitividade, mas isso não significa que determinados municípios e sectores vejam inviabilizados os projectos que venham a candidatar “não podemos deixar para trás as pessoas que não estão no campeonato da competitividade, como por exemplo as crianças, os jovens ou os doentes, mas também por isso não podem ser abandonados pelos poderes públicos e o mesmo posso dizer em relação às regiões mais desfavorecidas; por isso vamos ter regras que permitem que a determinados concursos se apresentem municípios ou comunidades intermunicipais diferenciados na região o que significa que um pequeno município do interior não tem que concorrer ao mesmo concurso que um grande município do litoral e por isso vamos ter uma linha muito forte de acordo com a dimensão e o grau de desenvolvimento dos vários concelhos”.

No que diz respeito às vias de comunicação, Castro Almeida sublinha que o novo pacote de ajuda vai ter uma dotação de 200 milhões de euros, que serão canalizados para a conclusão de investimentos de proximidade em detrimento da aposta em novas acessibilidades “o país tem que fazer um corte e deixar de associar que não há desenvolvimento sem estradas porque nós fizemos imensas estradas e Portugal cresceu pouco; mas isso vale apenas um por cento dos fundos e nós podemos mudar o país com os outros 99 por cento”.

Esta foi a primeira conferência dum ciclo que o presidente da distrital do PSD quer retomar já no próximo mês de Setembro. Manuel Frexes sublinha que este tipo de encontros é fundamental para que os governantes conheçam as verdadeiras aspirações da região “nós queremos criar, com estes encontros, uma base de diálogo entre a região e o governo e sempre numa lógica de proximidade e focalizar as entidades naquilo que são as nossas prioridades por forma a que nos possam ajudar a concretizá-las”.

O convite para a próxima conferência vai ser endereçado a Pedro Passos Coelho e o presidente da distrital do PSD mostra-se convicto de que o primeiro ministro vai estar de visita à região em Setembro.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados