RCB/TuneIn
Quarta, 24 Jul 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL√ćTICA
PCP ACUSA CMC
A concelhia do partido comunista portugu?s (PCP) da Covilh? acusa a maioria social-democrata na CMC de se comportar como uma comiss?o liquidat?ria do servi?o municipal.
Por Paulo Pinheiro & César Duarte Ferreira em 19 de Mar de 2009
Em causa está a possível entrega, a uma empresa privada, da recolha de lixo de vinte e duas freguesias, de cisão que “ configura um novo e grave passo no sentido da privatização total do serviço público municipal de limpeza e salubridade” e “põe seriamente em causa os direitos dos utentes que já estão a pagar mais pela recolha de lixo e dos trabalhadores que vêm os seus postos de trabalho ameaçados”, refere o PCP, em nota à comunicação social. 

 

No documento, a concelhia do PCP da Covilhã, afirma que a limpeza urbana é uma tarefa que deve manter-se no domínio público e que “os actuais serviços reúnem todas as condições para garantirem melhores serviços às populações e melhores condições de trabalho aos operários que executam essas tarefas”.  

 

Para os comunistas covilhanenses, a Covilhã precisa de uma gestão que valorize e dignifique o serviço público “comprometida com os interesses dos trabalhadores e não com o negócio privado do lixo, da água e do património público”.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados