RCB/TuneIn
Sexta, 04 Dez 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
PROTOCOLO ASSINADO
Rádio Cova da Beira
A associação de socorros mútuos da Covilhã vai desenvolver, no próximo ano, um programa de emergência social para dar resposta às necessidades mais urgentes dos cidadãos carenciados. Trata-se duma iniciativa que envolve também a câmara municipal, tendo a autarquia disponibilizado um valor de 30 mil euros para apoiar o desenvolvimento deste projecto.
Por Nuno Miguel em 31 de Dec de 2013

Carlos Casteleiro, presidente da mutualista covilhanense, destaca a abertura duma nova página no entendimento entre as duas instituições e acusa o anterior executivo de nunca ter valorizado o trabalho da associação “finalmente a câmara municipal reconhece o nosso trabalho mas o que importa aqui sublinhar é o desenvolvimento deste programa de emergência social que pretende dar resposta às situações mais urgentes que venham a ser identificadas; a mutualista covilhanense assume-se finalmente como um parceiro desta autarquia e vamos prestar contas das actividades que vamos desenvolver”.

Já o presidente da autarquia covilhanense destaca o papel que a mutualista tem desempenhado em prol do apoio directo que presta aos seus utentes assim como da população em geral. Para Vítor Pereira “esta associação é um pilar fundamental do edifício da acção social do nosso concelho e com a elaboração deste plano de emergência social vai conseguir dar resposta a algumas das necessidades mais imediatas sentidas pelos cidadãos”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados