RCB/TuneIn
Sexta, 10 Jul 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
MATERNIDADES NÃO FECHAM
Rádio Cova da Beira
O governo não vai proceder ao encerramento de nenhuma maternidade na Beira Interior. O anúncio feito em Penamacor pelo secretário de estado da saúde à margem da cerimónia de inauguração da nova unidade de cuidados continuados naquele concelho.
Por Nuno Miguel em 22 de Dec de 2013

Leal da Costa sublinha que “continua a existir um entendimento entre os três hospitais da região no sentido de melhorar a rede de cuidados prestados às populações pelo que o encerramento de valências, designadamente maternidades, é uma questão que não está em cima da mesa; recordo que já afirmei que até devido às características geográficas da região o critério dos 1500 partos não pode ser o único a prevalecer e nesse sentido não faz parte das nossas intenções proceder a qualquer encerramento”.

Já no que respeita ao polo de saúde da Beira Interior, que envolve também as três unidades hospitalares, Leal da Costa sublinha que “não está prevista a criação de nenhuma nova estrutura administrativa uma vez que o actual modelo, em que cada unidade mantém a sua própria independência, está a dar bons resultados; existe um entendimento alargado entre as três unidades sobre a forma como a rede pode ser reorganizada e os serviços melhorados e isso é que é o mais importante em vez de se discutir se haverá um polo administrativo”. 

O governante deixa ainda a garantia de que o encerramento nocturno dos serviços de atendimento permanente dos centros de saúde de Idanha-a-Nova e Oleiros não trouxe quaisquer prejuízos às populações. Leal da Costa afirma que “pela análise efectuada, os cidadãos não vão sofrer quaisquer constrangimentos com essa situação uma vez que a procura era perfeitamente residual; neste momento estamos a tomar medidas no sentido de melhorar o atendimento durante o período diurno; não há aqui nenhuma medida economicista pois se as populações fossem prejudicadas com esta medida, os serviços de atendimento permanente continuariam a funcionar no período nocturno”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados