RCB/TuneIn
Sábado, 14 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
COVILHÃ: DATA CENTER DA PT INAUGURADO
Rádio Cova da Beira
A estrutura representa um investimento global de 90 milhões de euros e está implantada numa área de 75 mil metros quadrados. A estrutura divide-se em quatro blocos embora, nesta primeira fase, tenha sido inaugurado apenas um edifício onde estão a funcionar 12 500 servidores para armazenamento de dados.
Por Nuno Miguel em 23 de Sep de 2013
Na cerimónia de inauguração o presidente da PT, mostrou-se muito confiante em relação à capacidade exportadora do novo data center. Henrique Granadeiro sublinha que “esta é uma indústria exportadora que acaba de ser criada em Portugal mas aquilo que aqui vamos ter são produtos globais e acreditamos que isto é um pólo de atracção para que outras empresas se possam aqui fixar”.


Apesar de nesta primeira fase apenas ter sido inaugurado um dos edifícios do projecto original, o presidente executivo da empresa mostra-se confiante na captação de novos clientes que permitam avançar para a expansão do data center “apesar da prudência olhamos para o futuro com confiança; é certo que não quero estar aqui a avançar prazos para o inicio de construção dum outro edifício mas estou convicto de que, dentro de alguns anos, todo o projecto que para aqui foi idealizado vai estar concretizado”. Zeinal Bava acrescenta que, com a inauguração desta estrutura na Covilhã, a PT vai desactivar um conjunto de outras estruturas semelhantes de que dispõe no país “o processo de migração de dados vai iniciar-se agora mas duma forma muito calma para que, dentro de alguns meses, sejam desactivados os data center de Carnaxide e o do Tagus Park”.

Para já o data center permitiu criar uma centena de novos postos de trabalho directos, mas quando a primeira fase estiver em velocidade de cruzeiro esse número vai chegar aos 400. A expectativa dos responsáveis é que, quando todo o projecto estiver concluído, este centro de armazenamento de dados empregue mais de 1400 pessoas.

No dia da inauguração, a PT celebrou também os primeiros 100 contratos com novos clientes que vão utilizar os serviços deste data center; um deles a câmara da Covilhã. Para Carlos Pinto, o recurso a esta estrutura vai permitir diminuir custos e concentrar dados da autarquia que se encontram dispersos por vários serviços “nós vamos deixar de ter servidores próprios para os nossos dados aqui serem alojados e essa opção pode reduzir custos e evitar a dispersão de contratos com outras entidades”. Esta foi também a última obra inaugurada pelo edil durante este mandato e Carlos Pinto admite que foi um dos dias mais felizes da sua vida enquanto autarca “não é fácil um presidente de câmara lançar e inaugurar uma obra desta envergadura, que ainda para mais não foi uma obra pública e claro que isso me deixa muitíssimo satisfeito”.

Ao contrário do que sucedeu no lançamento da obra, nenhum membro do governo marcou presença na cerimónia de inauguração do data center. No próximo sábado o equipamento vai estar de portas abertas à comunidade para que os cidadãos, mediante marcação prévia, possam conhecer o interior do edifício e as valências que lhe estão associadas.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados