RCB/TuneIn
Terça, 23 Jul 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL√ćTICA
O DEBATE DE ORJAIS NA RCB
Rádio Cova da Beira
S√£o tr√™s os candidatos √† presid√™ncia da junta de Orjais. Da direita para a esquerda: Daniel Lucas √© o candidato do PS, An√≠bal Cabral o rosto da CDU e Ant√≥nio Pinto recandidata-se com o apoio do PSD e do projecto Acreditar Covilh√£. O actual autarca de Orjais protagoniza um dos raros elos entre as duas candidaturas √† c√Ęmara da Covilh√£.
Por Paula Brito em 23 de Sep de 2013

António Pinto recandidata-se à presidência da junta de freguesia de Orjais, como independente, sob o lema “Porque Orjais quer mais”. O actual autarca tem o apoio do projecto independente Acreditar Covilhã e do PSD "eu fui convidado por muita gente para fazer uma lista por Orjais, a única coisa que eu afirmei sempre foi que tinha que ser completamente independente, estas eleições são pessoais e não partidárias, devem julgar as pessoas pelo trabalho realizado pela capacidade de trabalho para os próximos 4 anos", explicou no debate promovido pela RCB. Nos próximos 4 anos António Pinto aponta como prioritária a construção do segundo reservatório de água, do pavilhão multisusos e complexo de lazer. Obras que motivaram a reacção do candidato do PS "o António Pinto apresenta de 4 em 4 anos uns desenhos com uns projectos muito bonitos, mas sabe bem que são projectos que não vão para a frente". 

Daniel Lucas propõe-se promover a marca Orjais e realizar na aldeia três feiras: a feira da fruta com destaque para o pêssego, uma feira romana para dar destaque ao património cultural da fregueisa e uma "espécie de feira da ladra". Propostas que motivaram o também comentário de António Pinto "eu sou conhecido pelo presidente dos jardins, o senhor arrisca-se a ser conhecido pelo presidente das feiras".

Aníbal Cabral, enumera as principais prioridades da candidatura da CDU e que têm a ver com o aproveitamento das maiores potencialidades de Orjais: a agricultura, o rio e a serra. Para isso o candidato da CDU avança com as principais propostas "é necessário criar uma associação de defesa do rio Zêzere que trabalhe para que o rio se mantenha limpo desde a nascente até à foz, na agricultura, a junta pode protocolar com as associações de agricultores para que haja serviço de proximidade de aconselhamento agrícola...". No final, Aníbal Cabral disse que é preciso cantar a Grândola em Orjais referindo-se a um outro tema do debate em que o candidato do PS recordou as palavras de António Pinto na última reunião pública do executivo que se realizou naquela freguesia "em Orjais não se canta a Grândola", disse o autarca significando que a população estava satisfeita com o trabalho realizado. Candidatos do PS e CDU pensam o contrário. O que pensa a população de Orjais será conhecido no próximo domingo.

 

  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados