RCB/TuneIn
Quarta, 20 Mar 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
ERADA MARCOU ARRANQUE DOS DEBATES COM AS FREGUESIAS
Rádio Cova da Beira
São três os candidatos que se apresentam a eleições na Erada que nos últimos 20 anos esteve entregue ao socialista António Mendes Paulo que por força da lei não se recandidata ao lugar. Assim, aconteça o que acontecer, Erada vai ter um novo presidente de junta: José Alexandre, da CDU, Carlos Paulo do PSD e João Ramos do PS estiveram na RCB a debater os problemas e as propostas para a freguesia.
Por Paula Brito em 27 de Aug de 2013

O candidato do PSD, Carlos Paulo, reiterou a promessa feita pelo candidato à câmara da Covilhã, Joaquim Matias – construir a estrada entre Erada e a anexa de Trigais e que segundo o candidato social democrata só não foi construída devido a "divergências entre o actual presidente da junta do PS e Carlos Pinto", quanto à estrada, "não seria só uma via para beneficiar Trigais mas também a zona sul do concelho, se eu for eleito a estrada vai ser feita através da tropa, à semelhança do que aconteceu na estrada das minas".

O candidato do Partido Socialista tem dúvidas se essa é a melhor opção para Trigais, devido ao elevado custo da obra e ao sossego que a anexa proporciona aos seus cerca de 70 habitantes. João Ramos avança com uma proposta noutra área – reunir com os futuros presidentes de junta de Unhais da Serra e Cortes do Meio para encontrarem uma solução para a gestão da água nestas 3 freguesias, as únicas que ainda detém essa gestão e de que em breve, por força da lei, terão que abdicar "se eu ganhar a junta vou reunir com os outros dois presidentes de junta e tentar, com eles arranjar uma solução para ficarmos com as águas, não podemos dar a volta a lei, e para 2015 isso vai avante, quero aqui garantir que a água não sai da Erada". Uma garantia reiterada pelos restantes candidatos, mas para o candidato do PSD o problema "não se deve ser antecipado".

Já o candidato da CDU, José Alexandre, tem para a Erada uma proposta, noutra área "fazer um parque industrial na Erada que já devia ter sido feito e temos terrenos para isso. Quanto às empresas, a situação não é boa mas isto não vai ficar sempre assim, se não fizermos nada também nada vem ter connosco". 

O tema fracturante do debate acabou por ser a gestão da piscina da Erada que o candidato do PS equaciona concessionar, tal como lagar de varas, recuperado pela actual junta de freguesia e que está fechado na maior parte do ano "se for eleito estou aberto a propostas, podemos alugar o lagar a um particular, com determinadas regras, assim como a piscina". "Comigo nunca" diz o candidato da CDU, "a piscina tem que ser sempre da autarquia" responde o candidato do PSD.

Em comum os candidatos têm o apoio a dar às associações e colectividades do concelho, a tentativa de resolver o problema do lar que começou a ser constuído na Portelinha e do restante projecto da piscina da Erada que contempla, entre outros, a construção de bangalôs.

O candidato da CDU quer ouvir a população "algo que não tem sido feito na Erada", o do PSD criar um gabinete do cidadão e novos apoios sobretudo aos idosos "porque não criar uma escolinha sénior? actividades físicas? e fazer as pequenas reparações como uma lâmpada?". O candidato do PS quer requalificar o ringue "adquirir os terrenos adjacentes, colocar iluminação à noite e dar uma volta àquele ringue" e criar novos serviços na junta "para ajudar a população ao nível fiscal e segurança social".

 


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados