RCB/TuneIn
S√°bado, 25 Mai 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
BENFICA C. BRANCO ¬Ė PLANTEL PARA 2013/2014
A Direcção do Benfica e Castelo Branco chamou, nesta 3ª feira, a comunicação social à sua sede para lhe dar conta que já tem o plantel completo para a próxima época desportiva e que os trabalhos vão iniciar-se no dia 22 de Julho.
Por José Joaquim Ribeiro em 26 de Jun de 2013
 

Os encarnados albicastrenses, que na nova época vão participar no novo campeonato nacional,  mantiveram a grande maioria do plantel da época passada, reduzindo o número de atletas de 26 para 24.

 

São três os novos reforços dos benfiquistas: André Raposo, ex guardião do Alcains, Hugo Seco, que regressa, depois de uma temporada no Fátima e um jovem Madeirense, João Rui, que jogava no Cruzado Canicense e de quem os dirigentes encarnados têm boas referências.

 

As saídas são cinco: João Lourenço, um jovem da formação que não teve oportunidades e por esse facto foi consenso de que necessitava rodar num outro clube, Fixe,  deixa o clube por não terem chegado a acordo de verbas e ainda Ricardo Sousa, Ronan e Telmo.

 

O plantel vai ser composto pelos seguintes atletas: Guarda-redes:  Hélder Cruz, Fábio Mendes e André Raposo. Defesas:  André Cunha, Delmiro Nascimento, Esquivas, João Afonso, Nuno Marques, Tarzan, Tiago Gomes e Vasco Guerra. Médios: Dani Matos, Fábio Brito, Filipe Fernandes, Gonçalo Guerra, Luís Graça, Nuno Martins e Patas. Avançados: Alvarinho, João Henriques, Marocas, Tomás Sousa e os reforços Hugo Seco e João Rui.

 

Do atual plantel apenas Dani Matos tem estatuto de profissional ao qual se deve juntar João Afonso, um atleta que tem sido muito cobiçado por clubes de maior dimensão. A este propósito, o presidente do clube garantiu que não irá cortar as pernas ao capitão da equipa se aparecer algum emblema a interessar-se por ele, desde que,  isso seja bom para o atleta e que o Benfica também não fique mal.

 

A equipa técnica mantem-se inalterável, com Ricardo António como técnico principal, Nuno Carreiro como preparador físico e Ricardo Silva como técnico de guarda-redes.

 

Como há um grande desconhecimento daquilo que será o novo campeonato, inclusive, os clubes que integram cada uma das séries, os objetivos não podem deixar de passar por tentarem, desde logo, garantir um dos dois lugares que passam à fase de subida de divisão, como fizeram questão de  referir, quer o Técnico, quer o diretor desportivo, Miguel Vaz. Já o presidente António Machado tem uma máxima que passa por ganhar todos os jogos, depois logo se vê.  António Machado o pretende é que os atletas trabalhem bem e com grande aplicação nos treinos, se o fizerem ficam muito mais capazes de poder fazer boas exibições e ter bons desempenhos nos jogo.

 

Com o plantel fechado, os dirigentes albicastrenses têm agora em mãos desenvolver outras atividades que possam contribuir para o engrandecimento do clube.  O Merchandising é uma atividade que o clube vai explorar, provavelmente com um pequeno espaço junto ao estádio, para venda de todo o tipo de materiais alusivos ao Benfica;  vão tentar realizar um coloquio sobre saúde, organizar uma caminhada e, como o clube completa no dia 24 de Março do próximo ano, 90 anos de idade, vão ser realizadas algumas iniciativas para se poder comemorar esta bonita idade.

 

Como o presidente António Machado é um homem ligado à saúde, o Vale do Romeiro poderá ser um dos primeiros recintos desportivos, neste patamar, a disponibilizar um desfibrilador, um equipamento eletrónico utilizado na paragem cardiorrespiratória, com o objetivo  de restabelecer o ritmo cardíaco.

 

Com o objetivo de controlar, com mais eficácia, as entradas no Estádio, vai ser contratada uma empresa, que terá por função exigir que todos os que queiram entrar  no recinto o façam com o devido suporte: bilhete ou cartão de associado. Por outro lado, é vontade dos dirigentes do Benfica criarem 50 lugares,  na bancada central do municipal, para aqueles sócios que querem ter o seu lugar anual para todos os jogos. Neste caso os sócios ficam com direito sobre o lugar, que podem usar nos 16 jogos do campeonato, mais os que houver da Taça e Portugal e podem, em caso de ausência do titular, ser utilizado por familiar ou amigo. Uma medida que pode agradar a muito sócios dos encarnados.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados