RCB/TuneIn
Sexta, 22 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POLÍTICA
"ACTUAIS POLÍTICAS NÃO PODEM CONTINUAR"
Rádio Cova da Beira
Vítor Reis Silva acusa a câmara da Covilhã de estar a seguir uma política de alienação de serviços públicos com políticas financeiras insustentáveis para o município.
Por Nuno Miguel em 28 de Apr de 2013

O cabeça de lista da CDU à presidência da assembleia municipal considera que ao longo dos últimos anos foi seguido um conjunto de opções erradas e hoje essa factura está a ser paga pelos munícipes "venderam 49 por cento das águas da Covilhã à somague impondo preços escandalosos na factura da água; concessionaram-se os transportes urbanos a uma empresa que recebe o valor dos passageiros estimados e não aqueles que efectivamente transporta e concederam-se isenções de taxas, por dezenas de anos, a empresas que tem anualmente milhões de euros de lucros".

Para o candidato da CDU é urgente inverter o rumo traçado pela actual maioria PSD nas próximas eleições autárquicas pois a Covilhã "não pode continuar a ser um concelho em que tudo se cobra aos cidadãos; é urgente retirar da câmara aqueles que olham para os covilhanenses como meros consumidores de serviços públicos que entregaram aos privados".


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados