RCB/TuneIn
Sexta, 06 Dez 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
SOCIEDADE
BELMONTE DISTINGUE GUTERRES
Rádio Cova da Beira
As comemorações das festas do concelho, que decorreram esta sexta-feira, ficaram marcadas pela atribuição do nome do antigo primeiro-ministro ao novo parque urbano da vila situado junto à encosta do castelo.
Por Paula Brito & Nuno Miguel em 26 de Apr de 2013

Uma homenagem que, de acordo com o presidente da câmara municipal, se justifica devido ao contributo dado por António Guterres à concretização de vários projectos importantes para a Beira Interior enquanto exerceu o cargo de primeiro ministro entre 1995 e 2001 "nós não podemos ter a memória curta e reconheço aqui que o seu contributo foi fundamental para a concretização duma estratégia de futuro para o nosso concelho; na época eram necessários investimentos financeiros bastante vultuosos e foi possível contar com a sua colaboração e entendimento e muitos dos projectos que concretizámos não teriam sido possíveis sem o seu apoio"

Para além de enaltecer o papel de António Guterres enquanto ex primeiro ministro, Amândio Melo formulou ainda um desejo para o futuro do actual alto comissário da ONU para os refugiados "que volte novamente ao nosso concelho na administração de altos cargos da nação; ainda não perdi a esperança disso".

Palavras que António Guterres ouviu com um sorriso, mas em Belmonte afirmou que quer continuar a manter uma postura discreta na vida pública Portuguesa. Quanto à homenagem que lhe foi feita pela câmara municipal, o antigo primeiro ministro afirma que ficou sensibilizado com esta distinção e que quando foi convidado para marcar presença nestas festas do concelho não poderia dizer que não "representei este concelho vários anos como deputado na assembleia da república, sempre tive um carinho muito especial por Belmonte e pelas suas gentes e não poderia recusar o convite que me fizeram para aqui estar pois estou numa verdadeira capital do património".

António Guterres sublinhou ainda o papel determinante que o concelho pode ter para o desenvolvimento regional integrada no eixo entre Castelo Branco e a Guarda "sempre fui daqueles que achou que este eixo pode ser fundamental para o desenvolvimento económico regional e Belmonte deve também assumir aqui um papel importante; o apelo que faço é possa continuar a haver disponibilidade para apoiar a execução de projectos nesta região e neste concelho, sobretudo numa altura de dificuldades como aquela que estamos a viver". 

Para além de distinguir António Guterres, nestas festas do concelho a câmara de Belmonte atribuiu ainda a medalha de prata do município ao médico Manuel Geraldes, aos artistas José Nave e Jorge Lourenço, à escola de música do centro de cultura Pedro Álvares Cabral, às bandas filarmónicas de Belmonte e Caria e ao supermercado “Intermarché”. Da lista de homenageados fez também parte João Amaral Tomás, antigo secretário de estado dos assuntos fiscais e actual administrador do banco de Portugal, que não marcou presença nesta cerimónia.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados