RCB/TuneIn
Quarta, 17 Jul 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
CDA AMEAÇA ABANDONAR LIGA COVIFIL
A direc√ß√£o liderada por √Člio Esteves, reunida esta segunda-feira, aprovou, por unanimidade, a decis√£o de repudiar, aquilo que considera de "estupefacta√ß√£o e surpresa", a notifica√ß√£o de um processo disciplinar instaurado ao clube, pelo conselho de disciplina da AF Castelo Branco, na passada sexta-feira por eventual viola√ß√£o do disposto nos artigos 61¬ļ e 98¬ļ do regulamento disciplinar da FPF.
Por Paulo Pinheiro & Miguel Malaca em 26 de Feb de 2013

Os dirigentes do CDA, afirmam no documento que enviaram à RCB, que, "apesar de se encontrar omissa a razão de instauração deste processo disciplinar, a direcção do CDA sabe que a razão se prende com o envio de uma carta ao presidente da AFCB onde, em termos factuais, nos insurgimos contra o desfecho que teve o processo disciplinar que foi instaurado contra um atleta do GDAM", acrescentando ainda "a direcção do CDA lamenta profundamente a instauração deste processo disciplinar, que só contribui para o acirramento do ambiente existente no futebol do distrito e constitui uma cizânia contra um clube que engrandece em muito este futebol e a AFCB." pode ler-se ainda no comunicado.

Daí que, a direcção do CD Alcains, "quer deixar bem claro que o desfecho deste processo disciplinar pode ter como consequência a completa desmobilização e desmoralização dos dirigentes visados no mesmo, tendo pois, a AFCB, seus dirigentes e orgãos, de arcar com o ónus de tais decisões, quer em relação ao CDA, quer em relação ao futebol distrital." conclui o comunicado.

Contactado pela Rádio Cova da Beira, Élio Esteves, referiu que a direcção do CDA, não irá fazer mais declarações à comunicação social sobre o assunto, até estar concluído, "salvo se a actualização do mesmo o justifique." Afirmou o presidente do Clube Desportivo de Alcains.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados