RCB/TuneIn
Terテァa, 25 Fev 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
ADF-2 SCP-5: GRANDE ESPECTテ,ULO
Rádio Cova da Beira
Os simpatizantes de ambas as equipas, que encheram o pavilhテ」o municipal do Fundテ」o, saテュram satisfeitos com o espectテ。culo. ADF(3ツコ) e SCP (1ツコ) mostraram o porquテェ dos lugares que ocupam na tabela classificativa.
Por Paulo Pinheiro em 19 de Jan de 2013

Se o jogo se antevia difícil para a Desportiva do Fundão mais complicado ficou quando Marcelinho, ao primeiro minuto, marcou. Depois do golo o SCP continuou a pressionar criando muitas dificuldades nas transições ofensivas da ADF. Sem supresa ao minuto 7 Marcelinho bisa e coloca o resultado em 0-2.

A Desportiva do Fundão tentou reagir, equilibra o jogo e Gustavo, ao minuto 14, na sequência de uma jogada de estratégia, com remate exterior, faz 1-2. Ate final da primeira parte oportunidades para as duas equipas marcarem com os guarda-redes Cristiano e André Sousa a mostrar a sua categoria. No entanto, já no último minuto, Cristiano com um passe longo para Pedro Cary, este assiste Alex que faz o 1-3. O resultado castigava a deficiente organização defensiva da equipa comandada por Joel Rocha.

Na segunda parte, o SCP volta a marcar cedo, ao minuto 22, por João Matos que ao segundo poste encosta para o golo. (1-4). A Desportiva do Fundão não quis deixar os créditos por mãos alheias, subiu as suas linhas de marcação, pressionou o SCP, e veio com toda a justiça, ao minuto 32, por André Nabais, reduzir para 2-4.

Motivados pelo golo, os fundanenses depois de uma grande jogada colectiva estiveram à beira do golo, com Noé Pardo a falhar à boca da baliza.

Nos últimos cinco minutos, Joel Rocha tenta inverter o rumo do encontro, passa a jogar com o guarda-redes avançado e Davide, ao minuto 37, envia a bola à barra da baliza leonina.

Quem não marca sofre, e Leitão, ao minuto 40, fecha a contagem do marcador. Vitória justa do SCP, mas por números exagerados.

Boa arbitragem da dupla portuense, Vítor Rocha e Valter Martins.

Destaque para o fair-play que imperou dentro e fora das quatro linhas. Uma boa jornada de propaganda para o futsal.

 

No final

JOEL ROCHA (técnico da ADF): "Grande jogo de futsal. A ADF foi uma grande equipa, mas não uma equipa grande".

NUNO DIAS (técnico do SCP): "A vitória não sofre constestação, mas a ADF foi a equipa, que nesta primeira volta do campeonato, mais dificuldades nos criou".


  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados