RCB/TuneIn
Quarta, 03 Mar 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
CANDIDATURA APRESENTADA
Rádio Cova da Beira
Pedro Farromba apresentou os primeiros compromissos que quer concretizar caso seja eleito presidente da câmara municipal da Covilhã nas próximas eleições autárquicas.
Por Nuno Miguel em 14 de Jan de 2013

Outras da categoria:

No lançamento da sua candidatura, na qualidade de independente, o actual vice presidente da autarquia garante que "a criação de emprego e o desenvolvimento económico do concelho deve ser a acção fundamental do próximo executivo" e para isso "é preciso dar continuidade a vários projectos já iniciados e que podem potenciar a criação de centenas de novos postos de trabalho".

A acção social é outro dos grandes objectivos do candidato. Pedro Farromba afirma que em breve vão ser apresentados um conjunto de novos projectos associados ao "Espaço das Idades". E foi no domínio do apoio às populações que o candidato independente assumiu os primeiros compromissos "não haverá na nossa cidade uma única criança que não estude porque os pais não tem possibilidades; nenhum idoso que não tome os medicamentos que precisa por não ter dinheiro e a todos chegará o minimo para a dignidade de não passar fome". 

Na apresentação da candidatura, Pedro Farromba não quis avançar com outros nomes que integram a lista candidata à autarquia e à assembleia municipal. Certo é que este projecto independente vai apresentar lista a todas as juntas de freguesia do concelho "vamos, nas próximas semanas, começar a apresentar essas listas pois um projecto desta natureza só sairá vencedor se tiver equipas fortes nas freguesias".

O actual vice presidente da câmara da Covilhã deixou ainda um apelo público ao Presidente da República no sentido de Cavaco Silva não promulgar o novo mapa administrativo do território "faça o parlemento e o governo respeitar o povo e não aprove esta lei; deixe-nos continuar organizados como queremos".

Perante uma plateia com mais de três centenas de pessoas, Pedro Farromba garante que não vai entregar o cartão de militante do PSD e refere que, apesar da ausência de Carlos Pinto deste acto, continua a manter "uma relação de grande cumplicidade" com o actual presidente da câmara da Covilhã.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados