RCB/TuneIn
Terça, 19 Nov 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
BENFICA VENCE UNHAIS
O Benfica e Castelo Branco recebeu e venceu por uma bola a zero o Unhais da Serra. Um desafio onde os Albicastrenses aproveitaram uma desaten??o da defensiva do Unhais para marcar a diferen?a. A perder o conjunto de Nando tentou a igualdade durante o segundo tempo, mas a defensiva Albicastrense n?o o permitiu.
Por Rui Fazenda em 18 de Jan de 2009

O desafio começou com as duas formações com mais preocupações defensivas do que ofensivas. Fruto desse posicionamento os primeiros minutos foram disputados a meio campo, com a bola a andar sempre longe das balizas. O primeiro lance de perigo, surgiu apenas aos 11 minutos quando Miguel Vaz num livre descaído para a direita do ataque Albicastrense, atirou forte à baliza permitindo uma grande defesa a Valezim.

O jogo continuou muito equilibrado, com a bola a passar muito tempo na zona central do terreno, até que aos 27 minutos Daniel Fernandes viu um "buraco" na defensiva do Unhais e isolou Cunha que à saída de Valezim, rematou em arco, mais em jeito do que com força e inaugurou o marcador. Um tento que premeia a entrega e a vontade do veterano jogador do Benfica e Castelo Branco. Respondeu o Unhais aos 34 minutos, quando Vaz Alves surgiu solto na pequena área, só com Hélder Cruz pela frente mas atirou por cima desperdiçando assim uma clara oportunidade de golo para o Unhais. Ainda antes do intervalo, Mica teve um remate do meio da rua que tabelou num defensor Albicastrense e quase batia Hélder Cruz.

A bola passou ligeiramente por cima da Baliza. O intervalo surgia com a vantagem mínima para o Benfica e Castelo Branco.

No segundo tempo apareceu um Unhais mais pressionante que assumiu as despesas do jogo, "encostando" em determinados momentos o Benfica a sua defensiva, mas a experiência dos Albicastrenses não permitiu que a vantagem fosse anulada. Mesmo assim, o Unhais dispôs de claras oportunidades de golo, com destaque para um remate de Carlitos aos 58 minutos que levou a bola a bater com estrondo no poste da baliza de Hélder Cruz. Já um minuto antes o Unhais tinha introduzido a bola na baliza de Hélder Cruz, por intermédio de Tomy, mas o lance já estava anulado por posição irregular do jogador serrano. O Unhais, nos últimos minutos sofreu um forte revés com 2 expulsões, primeiro Vasco Guerra viu o segundo amarelo à passagem do minuto 80 e, já em período de compensação, Quelhas agrediu com uma cabeçada João Fazenda, e Hugo Geraldes não teve outra alternativa que não fosse a expulsão directa do jovem jogador do Unhais, que depois de expulso, e quando se dirigia para as cabines, ainda brindou a bancada do Vale do Romeiro com gestos obscenos... lamentável...

Estas duas expulsões para além de deitarem por terra um possível pressing final por parte do Unhais, vêm condicionar ainda mais o já curto plantel do Unhais que na próxima jornada não vai poder contar com estes dois elementos.

Bom trabalho de Hugo Geraldes e seus pares que viajaram da Guarda.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados