RCB/TuneIn
Quarta, 03 Mar 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
DEPUTADO QUESTIONA MINIST?RIO DA AGRICULTURA
V?tor Pereira, deputado do PS eleito pelo distrito de Castelo Branco, apresentou um requerimento na Assembleia da Rep?blica acerca do programa Leader e a campanha promocional denominada ? Covilh?, cidade cinco estrelas?.
Por Paulo Pinheiro em 10 de Dec de 2008

Outras da categoria:

Vítor Pereira quer saber se a gestão do programa Leader tem conhecimento da aprovação da candidatura da Rude – associação de desenvolvimento rural - com sede na Covilhã, para a realização da referida campanha promocional, e se pela associação foi apresentado algum pedido de comparticipação para pagamento da iniciativa promocional.O deputado socialista pretende ainda esclarecimentos, do ministério da agricultura, do desenvolvimento rural e das pescas sobre a elegibilidade da acção, para financiamento do programa Leader.

As dúvidas foram levantadas na última edição do semanário “ Expresso” pelo facto de a campanha surgir associada ao programa "Leader" para acções de valorização do mundo rural, através da associação Rude. Em declarações àquele jornal, o gestor nacional do programa, Rui Baptista, garante que " a campanha não vai ser paga" e que já foram "pedidos esclarecimentos adicionais à Rude", associação presidida pelo chefe do executivo covilhanense.O "Expresso" noticia ainda que Luís Barreiros, vereador na autarquia covilhanense e também dirigente da associação, garantiu que foi aprovada pela Rude uma candidatura de valores ligeiramente superiores a 40 mil euros pela unidade de gestão, mas sem garantia de comparticipação. A autarquia não recebeu, por isso, um único euro.

No final da última reunião privada do executivo, Carlos Pinto pronunciou-se sobre o tema. O autarca garante tratar-se "de uma notícia sem qualquer fundamento com base numa denúncia da Aderes, que apenas pretende chatear a Rude". Para o presidente da CMC “não existe qualquer problema”.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados