RCB/TuneIn
Terça, 21 Mai 2019
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
LIGA DE CLUBES: ALARGAMENTO DA LIGA ZON SAGRES
O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, M?rio Figueiredo, anunciou esta ter?a-feira que ir? propor a disputa de uma "liguilha" no final da temporada, de forma a alargar o principal campeonato para 18 clubes na ?poca 2012/2013. Relativamente aos direitos televisivos, tamb?m v?rios clubes da II Liga, incluindo o Sp. Covilh?, exigem renegociar com car?cter de urg?ncia os contratos.
Por Miguel Malaca em 29 de Feb de 2012

Para além do clube serrano, Olhanense, Gil Vicente, Rio Ave, Paços de Ferreira, Beira-Mar, Vitória de Setúbal, Naval 1º de Maio, Feirense, U. Leiria, Atlético, Penafiel, Arouca, Santa Clara, Oliveirense, U. Madeira, Belenenses, Freamunde, Trofense, e Portimonense, decidiram na reunião da passada segunda-feira, em Fátima, "concentrar" os direitos da TV e delegar em Mário Figueiredo a "chefia de uma comissão composta por quatro clubes da 1ª Liga e quatro da 2ª Liga, com vista a iniciar imediatamente a renegociação dos seus contratos, que garanta a angariação de receitas, com carácter de urgência".

Nesse encontro, os clubes presentes, voltaram a colocar alguma pressão ao presidente da LPFP, no sentido, do cenário da repescagem, ou seja, de evitar descidas de divisão no final da temporada, seja uma realidade, caso os dirigentes aprovem esta proposta, na assembleia geral extraordinária, marcada para o dia 12 de Março.

Na reunião magna de clubes, irá ainda, em princípio, debater-se a possível alteração dos estatutos da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, com um propósito:

"A participação dos presidentes de clubes da 1ª e 2ª Ligas na Comissão Executiva".

Segundo o porta-voz dos clubes, António Fiúza, "Quem manda no futebol são os clubes". O objectivo deste movimento passa, ainda, por criar, "bases de uma organização de pequenos e médios clubes/SAD'S, de forma a defender os seus interesses".

Relativamente à "liguilha", caso seja aprovada, será disputada pelos dois últimos classificados da divisão principal e os terceiro e quarto da Liga Orangina, ocupando as duas vagas em causa, os dois primeiros classificados desse mini-campeonato.

O alargamento da Liga Zon Sagres, para 18 clubes, e que terá de ser aprovado também pela Federação Portuguesa de Futebol, recorde-se, foi uma promessa feita por Mário Figueiredo, aquando do período eleitoral para substituir Fernando Gomes, na presidência do organismo que tutela o futebol profissional em Portugal.


  Redes Sociais   Facebook

2007—2019 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados