RCB/TuneIn
Terça, 02 Mar 2021
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
POL�TICA
NOVA PROVID?NCIA CAUTELAR APRESENTADA
Processo de constru??o da nova barragem das Penhas da Sa?de est? novamente parado. Isto porque o propriet?rio dos terrenos conhecidos como a ?tapada do doutor Ant?nio?; definidos pela c?mara da Covilh? para a constru??o da albufeira, apresentou uma nova provid?ncia cautelar nos tribunais com o intuito de evitar o avan?o do processo de expropria??o.
Por Nuno Miguel em 26 de Oct de 2011

Na última reunião da assembleia municipal Carlos Pinto referiu que "como é que é possível que Portugal se desenvolva quanto este processo aguarda há anos por uma decisão; aquilo que espero é que esta nova providência cautelar seja analisada rapidamente uma vez que o secretário de estado do ambiente me garantiu que assina o despacho de prorrogação da declaração de impacto ambiental para a construção da barragem logo que a questão jurídica esteja ultrapassada".

Para salvaguardar o futuro, a autarquia covilhanense já deu inicio ao processo de contracção dum empréstimo bancário, no valor de 8 milhões de euros. O edil covilhanense sublinha que "esse montante destina-se a assegurar a componente própria da obra uma vez que a candidatura aprovada pelos fundos comunitários apenas dá resposta a 70 por cento do valor total".


  Redes Sociais   Facebook

2007—2021 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados