RCB/TuneIn
Sábado, 06 Jun 2020
PUB
UBI
CIMD Cabecalho
DESPORTO
SCC FORA DA TA?A DA LIGA
Num jogo com tr?s apag?es, dois erros que ditaram os golos do Gil Vicente, o clube serrano fez tudo para sair do complexo desportivo com outro resultado. No entanto, a falta de efic?cia e algum azar impediram os comandados de H?lio Sousa de seguir em frente na prova.
Por César Duarte Ferreira & Miguel Malaca em 25 de Sep de 2008
Um resultado injusto, foi aquele que se verificou no final da partida entre o Sporting da Covilhã e o Gil Vicente. A boa exibição do leão da serra não foi suficiente, e pagou com golos os dois erros que cometeu na partida.A primeira parte só trouxe emoção a partir do minuto trinta com a primeira perdida do jogo por parte dos forasteiros. Kalaba, solto no interior da área atira para grande defesa de Igor Araújo. Um susto que fez acordar o Covilhã que primeiro num cabeçeamento de Basílio proporciona a defesa da noite a Rui Sacramento e depois num perdida incrível de Elivelton, esteve perto do golo. Mas a resposta dos homens de Barcelos não podia ser mais fria. Perda de bola de Basílio, Diego Gaúcho vê Kalaba solto no interior da área serrana, e o avançado só teve de atirar para o fundo da baliza.Um resultado injusto com que se chegava ao intervalo. E quando os espectadores do complexo desportivo da Covilhã se preparavam para mais 45 de futebol, o primeiro apagão no estádio, que obrigou o descanso a ser de 25 minutos.No reatamento, esta situação parece não ter feito bem ao Sporting serrano, que logo ao minuto dois podia ter sofrido novo golo pelo inevitável Kalaba.Mas a partir daqui foi o melhor período do Covilhã no jogo, primeiro Pimento vê o seu remate cortado em cima da linha por Diego Gaúcho, depois é Roma que proporciona mais uma grande defesa a Rui Sacramento, até que ao minuto 25, da etapa complementar, excelente jogada do ataque serrano, Roma desmarca-se rapidíssimo e restabelece a igualdade. Enquanto se festejava mais um corte de energia no estádio.No reatamento o segundo golo do Gil Vicente, mais um erro dos jogadores serranos, desta feita Djkine que pisa e perde a bola, passe para Rodrigo Galo que não tem dificuldade em concluir com êxito. Até ao final do encontro, destaque ainda para uma bola na trave por parte do Sporting da Covilhã, e mais um apagão no complexo desportivo.Desfecho injusto, numa partida onde os serranos tudo fizeram para vencer, mas pagaram caro os erros que cometeram e assim ficam fora da taça da liga.

  Redes Sociais   Facebook

2007—2020 © Rádio Cova da Beira

Todos os direitos reservados